13/11/2017 15:41:03 - Atualizado  em 13/11/2017 15:48:20

A+ A-

Safra 2018 deve ser boa apesar de estimativa do IBGE prever queda

  Reprodução

Previsão é de uma queda de 8,9% em relação a expectativa para o fechamento de 2017

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou essa semana a primeira estimativa para a safra de grãos de 2018. Nem tão boa quanto este ano, mas mesmo assim deve ficar entre as melhores safras. A previsão é de uma queda de 8,9% em relação a expectativa para o fechamento de 2017.

O clima é apontado como um dos fatores que afetam a produção. "Tivemos um retardamento da vinda das chuvas, então o plantio desta safra já começou atrasado e isso deve atrasar também a colheita da safra verão do milho e da soja, além de reduzir a janela de plantio para a segunda safra de milho", explica Carlos Barradas, gerente de safra - IBGE.

Apesar da queda, os especialistas veem com bons olhos a expectativa para o ano que vem, por causa de dois motivos: a colheita de grãos em 2017 está sendo recorde, e o prognóstico do IBGE já parte de um patamar mais alto que o do ano passado.

Há um ano (nov/2016) o instituto previu uma produção de 209 milhões de toneladas para 2017. Em outubro, a estimativa para este ano já estava em 241 milhões. Pra 2018 a previsão é de que sejam colhidos 220 milhões de toneladas de grãos a expectativa é de que a produção seja menor em todas as regiões do país.

A principal variação negativa está no Sul. Com queda de mais 12%, em seguida o Centro-Oeste com 8% vão ter quedas importantes, o milho, com mais de 14%, arroz quase 7% e a soja 6,3%

Entre as principais culturas, a única que deve ter crescimento é o feijão um aumento de 1,3%.

CONAB

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgou essa semana a segunda previsão da safra de grãos 2017-2018. A produção deve ficar entre 223 e 227 milhões de toneladas. Se o número se confirmar será menor que a safra passada.


Fonte Portal do Agronegócio