31/01/2018 14:35:30 - Atualizado  em 31/01/2018 14:39:38

A+ A-

Canais do Cipó, Caxexo e Onça, na Baixada, passam por limpeza

  Reprodução/Supcom

Através do Programa Limpa Rio, outros canais receberam intervenção, no ano passado

Os trabalhos de limpeza nos canais da Baixada Campista seguem a todo o vapor numa parceria firmada entre a Prefeitura de Campos, através da Superintendência Municipal de Agricultura e Pecuária e a Secretaria Estadual do Ambiente (SEA), através do programa “Limpa Rio”, que disponibilizou máquinas para a realização do serviço.

Atualmente, três máquinas trabalham  na Baixada Campista,  nos canais do Cipó, Caxexo e da Onça. Atualmente, uma escavadeira hidráulica Long Reach e duas dragas realizam as ações nestes pontos, para facilitação do escoamento da água para demais canais na Baixada. Centenas de produtores também estão sendo beneficiados com esta parceria, gerando emprego e renda. 

Iniciada em outubro do ano de 2017, a dragagem do canal Caxexo, que compreende cerca de 12 km de extensão, já foi concluída em 6 km do canal. A pedido dos próprios produtores rurais, também foi iniciada, paralelamente, a limpeza em aproximadamente 2,2 km no canal da Onça, localizado após do canal Caxexo,  seguindo o fluxo. Também atendendo à solicitação dos produtores rurais, foi iniciada, há 15 dias, a limpeza no canal do Cipó - que possui 2 km e deságua no Rio Novo, sentido Retiro - que juntos somam 6km. Segundo o superintendente de Agricultura e Pecuária, Nildo Cardoso, há décadas os trechos dos canais da Onça e Cipó não passavam por manutenção.

"As ações geram emprego e renda. Buscamos, também, uma parceria com o Projeto do Governo do Estado, o Limpa Rio, para a manutenção de canais como o trecho conhecido como Vala do Mato, por exemplo, que está totalmente seco e não recebe água há anos. A expectativa é que seja necessário remover quantidades de terra para que a água chegue a este trecho na Baixada, por gravidade, como aconteceu durante a limpeza do canal São Bento. Na última semana, recebemos a visita do  coordenador do Limpa Rio,  Luiz Antônio Correa, que pôde conhecer de perto as demandas da Baixada. O Estado já programa outras intervenções de acordo com o que foi apresentado pelos produtores na ocasião. Essas ações são muito importantes para o produtor da Baixada, principalmente agora, com a chegada das chuvas, que terá maior vazão com a limpeza dos canais e, também, com a chegada do Ceasa, importante ponto para o escoamento da produção no município", destaca Nildo.

Outros locais já atendidos - Através da parceria com o Governo do Estado, outros canais, como  o São Bento, receberam intervenção de dragagem emergencial. O  Canal Coqueiros, a partir do ponto iniciado na localidade de Matadouro chegando ao bairro da Penha e seguindo para a Baixada Campista, em direção ao Canal das Flechas e canal de Cambaíba. A parceria também contemplou a limpeza no entorno dos pilares da Ponte do Gote, sobre o Canal das Flechas, na localidade de São Martinho, na Baixada Campista. 

Reportagem: Redação/Ascom


Fonte