09/10/2017 14:28:10 - Atualizado  em 09/10/2017 14:34:17

A+ A-

Criadores de Morro do Coco comercializam três mil frangos

  Divulgação Supcom

O material para as novas mini granjas estava comprado desde 2015, um ano antes de a gestão passada abandonar o projeto

As três famílias que apostaram na retomada do projeto de avicultura da Superintendência Municipal de Agricultura e Pecuária, o “Mais Frango”, estão comemorando o resultado. Moradoras do assentamento rural Josué de Castro, na área rural do distrito de Morro do Coco, setor Norte de Campos, elas acabam de comercializar três mil frangos com um abatedouro certificado localizado em Guarus e estão comemorando a decisão de investir na nova atividade.

"Nós não tínhamos experiência com frangos, mas com boa vontade e as orientações que recebemos, fomos aprendendo. Gostamos muito e estamos ansiosos para começar logo a segunda fase da criação", explicou a produtora rural Sandra Cristina Miranda, de 51 anos, que compartilhou o trabalho com o filho e um irmão, com quem também divide o serviço de produção de leite e hortaliças na propriedade.

Os criadores retiraram os frangos para abate pesando entre 2,8kg e 3,2kg, dentro do prazo esperado, entre 38 e 40 dias após nascerem os pintinhos. A atividade, abandonada pela administração passada ainda no projeto piloto, foi retomada pela atual gestão como forma de gerar melhores condições de vida ao homem do campo, evitando o êxodo rural.

"É gratificante ver que eles estão felizes com o resultado dessa primeira leva de frangos e animados para continuarem com o projeto. No dia 29, deste mês, vamos trazer mais mil frangos para cada uma das três mini granjas, para que eles possam finalizar o ciclo de criação já em meados de dezembro, aproveitando a boa demanda dos dias que antecedem ao Natal", afirmou o superintendente Nildo Cardoso.

O material para as novas mini granjas estava comprado desde 2015, um ano antes de a gestão passada abandonar o projeto. Por isso, o sucesso, este ano, dos três primeiros criadores é considerado um fator de incentivo para os demais investirem na atividade.


Fonte Supcom