15/06/2017 09:17:38 - Postado  em 15/06/2017 09:21:27

A+ A-

Americano vence América e segue bem no campeonato

  FutRio

Americano segue em busca da Taça Santos Dumont

O Americano segue representando bem o futebol de Campos na Série B1 do Campeonato Carioca. Na noite desta quarta-feira (14/06), o Glorioso venceu o “Clássico do Tio-Sam” diante do America, pelo placar de 1 a 0, em jogo realizado no Aryzão. O resultado significou a quarta vitória do Cano na Segundona, competição em que o time segue invicto e sem sofrer gols. O America, por sua vez, amargou a terceira derrota no campeonato, somando apenas quatro pontos de 15 disputados e entrando de vez em crise, já que as chances de classificação às semifinais da Taça Santos Dumont são praticamente nulas.

Já se sabia que a partida entre Americano e America seria especial, mas um fato que ocorreu ainda antes do jogo foi que mais chamou atenção. Um transformador, nos arredores do estádio, estourou, e a luz no Aryzão ficou escassa a partir do fim da tarde. Isto fez com que a partida preliminar, de juniores, fosse adiada. O time sub-20 do America pegou seu ônibus e voltou para o Rio de Janeiro. Mas a situação ainda complicou os planos do jogo principal, que só começou 40 minutos depois do horário previsto.

Quando a bola finalmente rolou, o Americano largou na frente em termos de volume de jogo, com mais posse de bola, mas sem finalizar em gol. Aos 15 minutos, veio a resposta rubra: Allan Barreto chutou e o zagueiro Espinho se colocou na frente. No contra-ataque, Geovani chutou, após contragolpe de Ferrugem, mas bateu pela linha de fundo. Pouco depois, Léo Oliveira tentou surpreender Felipe, mas atirou por cima.

O Americano vinha chegando mais na bola aérea, mas Felipe estava seguro. Aos 36, Paulo Roberto cruzou para cabeçada de Thiago Viana, que ficou nas mãos de Felipe. A melhor chegada do America já foi no finalzinho, aos 45, num chute de longa distância de Belarmino, que Patrick, substituindo um lesionado Adilson, defendeu sem problemas.

A segunda etapa foi como a primeira, com o Americano tendo mais domínio das ações. Porém, os campistas eram mais perigosos que no começo do jogo. Já aos seis minutos, Ferrugem bateu por cima do gol, quase marcando o primeiro gol. Logo depois, Jairo Paraíba entrou driblando na área e chutou forte, mas Felipe fez bela defesa. Mais Americano: Geovani chutou com força, a bola desviou na zaga e Espinho ficou sozinho, mas chutou por cima, quase surpreendendo Felipe.

Parecia uma chance incrível de se perder, mas a verdade é que ela voltou a aparecer para o zagueiro. Aos 15 minutos, Ferrugem bateu falta, Felipe saiu do gol em falso e Rafinha aproveitou: ele ficou sem ângulo e tocou no meio para Espinho, que chutou firme para o gol, abrindo o marcador e explodindo o Aryzão.

O America adiantou seu time e colocou jogadores de frente, como Nélio e Philip. O time melhorou um pouco e quase marcou, justamente com Nélio, que bateu falta, mas Patrick fez bela defesa. Depois do tempo técnico, uma nova chegada do Americano quase dobrou a vantagem dos anfitriões. Paulo Roberto cruzou e Daniel Marins bateu forte, no travessão.

Nos minutos seguintes, o Americano seguiu na pressão, tentando aumentar a vantagem, mas o Mecão foi para o tudo ou nada. Numa cabeçada de Daniel, que tinha entrado, Patrick defendeu bem. Apesar do America crescer em campo, o gol de empate, resultado que já não seria bom, não saiu. A vitória alvinegra manteve o time na briga pela classificação e deixou o técnico rubro, João Carlos Ângelo, na corda bamba.
 


Fonte FutRio

Vista por: 691