29/01/2018 08:52:58 - Atualizado em 29/01/2018 08:57:06


A+ A-

O Real e a Fantasia...

  Reprodução

Olá!!! Imagens do passado... Registradas na mente... A cada olhar... Sentimentos afloram... Questões surgem como fontes para incomensuráveis momentos de reflexão... Por que as gentes existem??? Por que as coisas existem??? Qual o destino das gentes??? Temas recorrentes para muitos filósofos...

Houve um momento de criação do Universo??? Como surgiram as gentes, os animais, as árvores,...??? Como responder a essas questões??? As gentes na busca por entender os mistérios da sua existência conseguiram construir sofisticados modelos de representação da Natureza... As gentes conseguiram reproduzir fenômenos naturais de modo controlado...

Esse conhecimento permitiu o desenvolvimento de maravilhosos equipamentos... Máquinas presentes em todos os lugares e que auxiliam as gentes a desenvolver diversos tipos de atividades... Um motivo de espanto para muitas gentes é o fato de a humanidade poder compreender, mesmo que de modo limitado, os fenômenos naturais... A Matemática é uma ferramenta que se mostra a cada dia mais poderosa...

Fruto da imaginação e criatividade das gentes... Por que as gentes puderam desenvolver uma ferramenta tão fascinante??? Outro grande mistério... Na busca por entender o Universo as gentes se defrontam com o hercúleo desafio de tentar mensurá-lo... Qual é o tamanho do Universo??? Com a evolução dos instrumentos de observação novas informações surgem a cada momento... Questões brotam nas mentes inquietas...

O Universo é finito ou infinito??? Eterno??? Alguém sabe como respondê-las??? Um desafio interessante, que ficou conhecido como paradoxo do Hotel de Hilbert, foi proposto por David Hilbert um famoso  matemático alemão... Nesse paradoxo é imaginado um hotel com uma característica bem interessante...

Um hotel tradicional (com um número finito de quartos) quando está lotado não pode receber novos hóspedes...  Mas o que ocorreria em um hipotético hotel com um número infinito de quartos... Imagine que nesse hotel todos os quartos estejam ocupados com um número infinito de hóspedes... Chega um novo hóspede... Ele poderá se hospedar??? Sim... Ele encontrará um quarto disponível...

Como há infinitos quartos, basta mover cada um dos hóspedes para um novo quarto... Assim seria possível receber um número infinito de novos hóspedes... A soma de infinitos... É infinito... Uma curiosa constatação... Assim o hotel sempre poderá receber novos hóspedes... Vamos analisar agora o processo inverso... Um hóspede deixa o hotel... Quantos hóspedes permanecem no hotel??? Infinitos hóspedes???

Uma questão sem resposta surge se por uma forte razão um número infinito de hóspedes deixa o hotel... O que ocorrerá??? Quantos hóspedes permanecem no hotel??? Esse paradoxo ilustra a dificuldade que as gentes possuem para tratar com quantidades incomensuráveis... Existirão medidas infinitas na Natureza??? A humanidade até o momento no seu cotidiano somente conhece quantidades finitas... Eternidade e Infinito são sinônimos??? Um Universo eterno acarreta a existência de infinitos astros???

Um Universo finito acarreta um número finito de astros??? Um bom desafio para as gentes... Será que é uma questão muito importante??? Há muitos problemas ainda a serem resolvidos pela humanidade... Gentes com fome... Sem abrigos... Sem sorrisos...  Questões prementes e para as quais é necessário encontrar urgentes soluções... A reflexão sobre a existência das gentes faz com que seja possível perceber a verdadeira dimensão de alguns problemas em relação a tantos mistérios... Fazendo nascer nas mentes uma nova visão...

Mostrando a verdadeira face da fraternidade e da justiça... Nos melhores sonhos surgem mundos com gentes felizes e solidárias vivendo em paz... No mundo real muita desigualdade, tristeza e guerras... Será que algum dia o real e a fantasia se unirão???

 

Céu limpo para todos.

 Marcelo de Oliveira Souza