20/03/2017 16:38:36 - Atualizado  em 20/03/2017 17:22:08

A+ A-

Candidatos denunciam e IFF investiga irregularidades em provas

  Reprodução

Uma das irregularidades envolve a prova de Automação Industrial, aplicada na parte da manhã, e a de Pedagogia, realizada à tarde, que tiveram questões idênticas

Cerca de sete mil candidatos fizeram a prova do Concurso Público do Instituto Federal Fluminense (IFF) neste domingo (19/03), em Campos, com vagas para professor e técnico-administrativo em Educação. O exame, que teve duração de quatro horas, vem sendo alvo de denúncias que apontam irregularidades, como a constatação de repetições de questões para cargos de nível superior nos turnos da manhã e da tarde. Diante do problema, o IFF divulgou nota oficial em que afirma ter tomado ciência do ocorrido e informar que está apurando os fatos com rigor e adotando as medidas cabíveis junto à Metrópole Soluções Empresariais, empresa contratada para a realização do concurso.

Uma das irregularidades envolve a prova de Automação Industrial, aplicada na parte da manhã, e a de Pedagogia, realizada à tarde, que tiveram questões idênticas. O mesmo teria ocorrido com os candidatos que prestaram exame para assistente administrativo.

O problema motivou um grupo de candidatos, que estão reunindo as provas e documentando as irregularidades para posteriormente protocolar denúncia no Ministério Público Federal (MPF), o que deve acontecer nos próximos dias. Os candidatos pedem a anulação do concurso ou reaplicação das provas.  

“Além das questões idênticas em provas aplicadas em horários diferentes (manhã e tarde), têm questões plagiadas do Enem e de outros concursos. Quem teve acesso às provas saíram em vantagem e isso não é justo, pois estudei muito para essa prova, investi em cursinho”, disse Inês Ribeiro Machado, que fez prova concorrendo a uma das vagas de assistente-administrativo.

Ao todo, 7.573 candidatos se inscreveram no concurso, sendo 7.115 para os cargos administrativos, que concorrem a 11 vagas, e 458 para os cargos de professor, que concorrem a cinco vagas.

O IFF divulgou uma nota oficial em seu site que diz “O Instituto Federal Fluminense, reafirmando seu inafastável compromisso com a ética e a lisura, tomando conhecimento de possíveis irregularidades em algumas provas do Concurso Público, realizado no dia 19 de março de 2017, especialmente àquelas relacionadas com a repetição das questões para os cargos de nível superior nos turnos da manhã e da tarde, vem a público informar que está apurando os fatos com rigor e adotando as medidas cabíveis junto à METRÓPOLE SOLUÇÕES EMPRESARIAIS, empresa contratada por processo licitatório para a realização do concurso, a fim de assegurar a correção de todos os procedimentos e as condições de igualdade entre os candidatos”.


Fonte Ururau