• [02/02/2018 15:11] TRF2 nega prisão domiciliar para deputados Picciani e Albertassi

    O Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2) negou liminar ao pedido da defesa do ex-presidente da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) deputado Jorge Picciani, e também do deputado estadual Edson Albertassi, ambos do PMDB, requerendo prisão domiciliar.

  • [28/11/2017 14:29] Ministro do STJ nega liminar para soltar Jorge Picciani e Paulo Melo

    O ministro Felix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou um pedido de liminar para libertar os deputados estaduais Jorge Picciani (PMDB) e Paulo Melo (PMDB) , respectivamente presidente licenciado e ex-presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), fazendo com que os dois permaneçam presos.

  • [19/11/2017 11:54] Após ser solto, Jorge Picciani anuncia licença da Alerj para cuidar da defesa

  • [17/11/2017 16:48] Alerj revoga prisões de Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi

    Por 39 votos a favor e 18 contra, a Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro votou pela revogação das prisões de Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi. Dos 70 deputados, 11 não compareceram à sessão e um deputado abteve de votar. O trio, que é investigado por corrupção, associação criminosa, lavagem e evasão, foi libertado por volta das 18h, cerca de uma hora e meia após o fim da sessão.

  • [16/11/2017 17:33] Alerj pode ter sessão extraordinária após prisão de presidente e deputados

    A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) pode ter uma sessão extraordinária depois da decisão do Tribunal Regional Federal da 2ª Região pela prisão imediata dos deputados estaduais pelo PMDB Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi.

  • [14/11/2017 08:52] MPF pede ao TRF2 prisão preventiva de cúpula da Alerj

    O Ministério Público Federal (MPF) deflagrou nesta terça-feira (14/11), com a Polícia Federal (PF) e a Receita Federal, uma operação onde investiga os deputados estaduais Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi (PMDB-RJ) e outras dez pessoas por corrupção e outros crimes envolvendo a Assembleia Legislativa (Alerj). A pedido do Núcleo Criminal de Combate à Corrupção (NCCC) do MPF na 2a Região, o desembargador federal Abel Gomes, relator dos processos da Força-tarefa Lava Jato/RJ no TRF2 ordenou as conduções coercitivas dos parlamentares, seis prisões preventivas e quatro temporárias e buscas e apreensões nos endereços de 14 pessoas físicas e sete pessoas jurídicas. A condução coercitiva dos deputados foi ordenada como alternativa inicial à prisão deles.

  • [17/07/2017 14:49] Jorge Picciani é internado para cirurgia contra câncer

    O presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani (PMDB-RJ) foi internado nesta segunda-feira, no Hospital Copa Star, em Copacabana, na Zona Sul. O peemedebista fará uma cirurgia na terça-feira para a retirada da bexiga e próstata. O procedimento é parte de um tratamento do político contra um câncer.

  • [22/06/2017 16:21] 'Só restam dois caminhos ao Rio: a intervenção federal ou o impedimento de Pezão', diz Picciani

    O presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani, disse, nesta quinta-feira (22/06), que, se o acordo de recuperação fiscal não for homologado pelo governo federal, só vão restar dois caminhos ao estado: a intervenção federal ou o impedimento do governador Luiz Fernando Pezão. A declaração foi dada em entrevista ao âncora Fernando Molica, do CBN Rio

  • [04/04/2017 18:14] Jorge Picciani está com câncer e deve se licenciar da Alerj para tratamento

    Presidente da Assembleia Legislativa, Jorge Picciani (PMDB) está com câncer. Ele tem consulta agendada quinta-feira (06/04) com um oncologista para tratar um tumor de 15 milímetros na bexiga. Nos bastidores da Alerj, comenta-se que ele deve se licenciar do cargo para iniciar tratamento.

  • [29/03/2017 09:16] PF cumpre mandado coercitivo contra Jorge Picciani

    Policiais federais cumpriram nesta quarta-feira (29/03) um mandado de condução coercitiva contra o presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani. Também estão sendo cumpridos cinco mandados de prisão contra integrantes do Tribunal de Contas do Estado do Rio (TCE-RJ), além de bloqueios de bens e valores, em uma operação que recebeu o nome de Quinto da Coroa. No total são mais de 43 mandados, a maioria deles na cidade do Rio de Janeiro, mas também em Duque de Caxias e São João do Meriti.

  •